Acessórios do Windows

 

Introdução

Calculadora

WordPad

Bloco de Notas

Paint

Paint

 

O Paint é uma ferramenta de desenho que pode utilizar para criar desenhos simples ou elaborados. Estes desenhos tanto podem ser a preto e branco ou a cores, podendo ser guardados como ficheiros de mapa de bits. Pode imprimir o seu desenho, utilizá-lo como fundo do ambiente de trabalho ou colá-lo noutro documento. Pode mesmo utilizar o Paint para ver e editar fotografias digitalizadas.

O Paint também pode ser utilizado para trabalhar com imagens, tais como ficheiros .jpg, .gif ou .bmp. Pode colar uma imagem do Paint noutro documento que tenha criado, ou utilizá-la como fundo do ambiente de trabalho.

    Ferramentas: São os principais recursos de desenho. Para accionar qualquer ferramenta, simplesmente pressionamos o botão do mouse sobre o ícone correspondente à ferramenta desejada.

 

 

 

 

 

 

 

 

Recorte de figura: (Número 1) permite a movimentação e cópia de áreas irregulares do desenho. Útil por exemplo, se desejamos recortar o desenho de um ponto e movê-lo para outro ponto do desenho. Para mover uma figura recortada, posicione o cursor dentro da área marcada, pressionando em seguida, o botão do mouse. Agora, simplesmente desloque a figura para outro ponto do desenho, soltando o botão quando esta estiver no local desejado.

Recorte em rectângulo: (Número 2) idêntico ao anterior, com a diferença de que as figuras recortadas têm a forma rectangular. Para mover a figura, procede da forma acima citada.

 

Borracha: (Número 3) este recurso é bastante semelhante à troca de cores, com a diferença de que este substitui todas as cores pela cor de fundo (explicada adiante). Proceda da mesma forma que a troca de cores para accionar este comando.

Preencher com Cor: (Número 4) como podemos prever, esta ferramenta destina-se a pintar áreas do desenho. Antes de usá-lo, certifique-se de que a área desejada está completamente delimitada pois, em caso contrário, a tinta "vazará", preenchendo regiões que não deviam ser preenchidas. Para utilizar este recurso, simplesmente posicione a ponta do ícone sobre a área a ser preenchida e pressione o botão do mouse.

Selecciona Cor: (Número 5) utilizado para substituir uma cor por outra, em locais determinados pelo usuário, através do mouse. Trata-se de uma "borracha inteligente", pois elimina apenas uma determinada cor, substituindo-a por outra. A cor de frente (explicada em seguida) determina a cor a ser substituída e a cor de fundo determina a cor que irá substituí-la. Para substituir, posicione o quadrado sobre a área desejada e pressione o botão do mouse.

Ampliador: (Número 6) amplia a figura determinada.

Brush: (Número 8)destina-se a traçar linhas à mão. Conforme movemos o mouse com o botão pressionado, traçamos linhas na tela.

Spray: (Número 9) permite o preenchimento de regiões da tela como se estivéssemos utilizando um spray. Para utilizá-lo, pressione o botão e desloque o mouse com o botão pressionado.

Texto: (Número 10) este recurso possibilita a inclusão de textos dentro do desenho. As fontes são as mesmas utilizadas no editor de textos WordPad, dispondo inclusive de todos os tamanhos e efeitos (negrito, sublinhados, etc.). Para escrever, pressione o botão do mouse sobre o ponto onde deseja iniciar a digitação. Surge então o cursor (uma linha vertical intermitente), indicando que já podemos digitar.

Recta: (Número 11) destina-se a traçar rectas (ou melhor dizendo, segmentos de rectas). Movemos o mouse até a posição onde desejamos iniciar o traçado, pressionamos o botão do mouse e, sem soltá-lo, deslocamos o mouse para outra extremidade da recta.

Curva: (Número 12) esta ferramenta é utilizada quando desejamos fazer curvas. O seu uso é um pouco complicado, pois consiste de três etapas: primeiro, traça-se uma recta, posicionando o cursor em uma posição e deslocando-o para outra com o botão pressionado. Em seguida, pressionamos o botão do mouse e deslocamos o cursor, para tornar esta recta uma parábola. Por fim, pressionamos o botão uma última vez para "torcer" esta parábola.

Rectângulo: (Número 13) este recurso destina-se a traçar rectângulos. Para tanto, posicione o mouse em um dos cantos do rectângulo e, com o botão pressionado, desloque-o para o outro vértice, soltando-o em seguida.

Polígono: (Número 14) destina-se ao traçado de linhas consecutivas.

Elipse: (Número 15) esta ferramenta permite-nos criar elipses com grande facilidade. Para criá-las, basta pressionar o botão do mouse e deslocá-lo diagonalmente.

Rectângulo arredondado: (Número 16) semelhante ao traçado de rectângulos normais, esta ferramenta cria rectângulos, cujos cantos são arredondados.

Espessura de linha: Neste local, definimos a espessura do traçado. Para alterar, simplesmente pressionamos o botão do mouse sobre a espessura desejada. 

 

 

Caixa de Cores: Consiste basicamente em um conjunto de rectângulos, preenchidos com cores diferentes. Para seleccionar uma cor, pressione o botão do mouse sobre a mesma. Quando trabalhamos com o Paint, usaremos duas cores: a cor de frente e a cor do fundo. A primeira é a cor do preenchimento (quando utilizarmos um rectângulo, circunferência, ou polígonos preenchidos) e do traçado. A segunda cor é a do fundo da tela (contorno das figuras preenchidas, contorno das letras e a cor a substituir no caso da troca de cor).

 

 

 

Ficheiro: Já familiar, o menu Ficheiro contém os comandos relacionados com a leitura e gravação de figuras em disco, bem como a impressão dos desenhos elaborados.

 

 

Editar: O menu editar contém os comandos relacionados com a cópia de partes da tela. Para utilizar alguns dos comandos deste menu, precisamos ter uma área demarcada através do recurso de recorte.

Desfazer – este comando é muito útil, pois nos possibilita desfazer uma acção. Por exemplo, se ao pintar uma região, a tinta "vazar", accionamos este comando e fechamos a área que apresentou o vazamento, antes de tentar novamente.

Recortar – este comando, disponível somente quando temos uma área demarcada, destina-se a "cortar" a área marcada, de modo que esta seja apagada do desenho e armazenada na memória (em uma área chamada Área de Transferência), podendo ser colada a outro desenho ou em um texto do WordPad, por exemplo.

Copiar – destina-se a armazenar a figura recortada na memória, sem retirá-la do desenho onde trabalhamos.

Colar – com o efeito inverso ao do comando anterior, coloca uma cópia do conteúdo da memória no desenho, de modo que esta possa ser deslocada pelo desenho.

Copiar para – destina-se a armazenar em disco, apenas a área recortada em um novo arquivo.

Colar de – efectua o inverso do comando anterior, incluindo uma figura gravada em disco, dentro do desenho actualmente utilizado.

Topo

Trabalho realizado por: Luis Batista 12º 2  Nº10   e  Pedro Perdigão 12º2  Nº14